Archive

OSX

Posts on OSX.

Gerenciando Instâncias na AWS com o EC2 API Tools

divulgação: amazon

A ferramenta que vou mostrar é a EC2 API Tools, que está disponível no site da Amazon Web Services.

A instalação é bem simples, siga os passos abaixo e verá:

Exporte as variáveis EC2_URL, AWS_ACCESS_KEY e AWS_SECRET_KEY para poder conectar a sua conta e assim gerenciar as máquinas virtuais que tem. Aproveite e exporte a EC2_HOME para o PATH, assim ficará mais fácil chamar os comandos que desejar.

Indico colocá-las no /etc/profile ao invés do .bash_profile ou .bashrc em seu HOME.

A EC2_URL precisa conter a região na qual suas instâncias estão localizadas, por exemplo, se elas ficam na Virgínia, a url ficará assim: https://ec2.us-east-1.amazonaws.com

As chaves para setar nas variáveis AWS_ACCESS_KEY e AWS_SECRET_KEY você encontrará em sua conta, no menu Security Credentials. Lá procure por Access Credentials e copie os valores correspondentes a cada uma delas.

Pronto, agora que a ferramenta está instalada, mostrarei alguns exemplos de como usá-la:

  • Ligando e Desligando uma Instância

  • Verificando o status de uma Instância

  • Associando um Elastic IP a uma Instância

A ferramenta tem muitos outros comandos que facilitarão bastante o gerenciamento das instâncias na Amazon.



Atualizando o MacPorts

divulgação: rmitc

A atualização do MacPorts é algo absurdamente simples, basta executar o comando com a opção selfupdate e pronto. Coloquei uma demonstração abaixo:

Atualização feita, no meu caso, da versão 2.2.0 para a 2.2.1. 🙂

Para saber mais coisas sobre o MacPorts você pode ver os posts que já escrevi ou ir no site do projeto.



[Dica] Lista de atalhos de teclado no OS X

Dia desses um amigo me pediu umas dicas de atalhos no Mac OS X e resolvi além de ajudar ele, colocar aqui no blog esta informação.

Segue abaixo uma legendas das teclas modificadoras. Elas que alteram a maneira como outras teclas serão interpretadas.

 – Command  – Control  – Option  – Shift  – Caps Lock Fn – Função

Agora alguns poucos atalhos mais comuns:

Command + A Seleciona todos os itens na janela aberta
Command + Option + A Desmarca os itens selecionados
Command + C Copia um item/texto selecionado para a área de transferência
Command + V Cola o texto da área de transferência
Command + Option + V Move o item copiado
Command + Shift + 3 Screenshot da tela

Na página de suporte da Apple tem um artigo bem interessante com muitos outros atalhos, confere lá.



Monitorando a velocidade da conexão com a internet via linha de comando

Em algum momento você deve ter precisado testar a conexão com a internet e correu para um site que faz este serviço, correto? O Speedtest, acredito que seja um dos mais conhecidos e usados para este propósito, mas que tal ter isso na linha de comando? O speedtest-cli resolve isto.

Às vezes precisamos monitorar não somente um momento específico da conexão mas vários durante o dia e utilizar o site não seria muito prático, já um script tornaria a ‘coisa’ linda.

O speedtest-cli foi escrito em Python e é bem simples de utilizar, mas antes vou mostrar como instalar, seja no GNU/Linux ou no OS X:

É interessante colocar o script no PATH para ficar mais simples de chamá-lo:

Você pode testar a conexão sem passar parâmetro algum:

Porém você pode refinar o teste selecionando o lugar, para isso use a opção list:

Com esta informação você usará o ID do local para testar, vamos testar a taxa de uma conexão (Download|Upload) entre Recife e São Paulo:

Bem prático não é mesmo?! Até melhor que usar pelo navegador 😉



Instalando um pacote com o MacPorts

divulgação: rmitc

O post será bem simples, vou mostrar como instalar um pacote (usarei o dos2unix como exemplo) em seu OS X utilizando o MacPorts. O comando a ser chamado é o port e o mesmo deve ser utilizado junto ao sudo como mostro abaixo:

Para saber mais coisas sobre o MacPorts você pode ver os posts que já escrevi ou ir no site do projeto.



MacPorts – O gerenciador de pacotes para OS X

divulgação: rmitc

O MacPorts é um gerenciador de pacotes que pode ser comparado ao Apt e Yum, presente nas distribuições Linux. Ele torna bem prática a instalação de alguns pacotes. Não que instalar pacotes no OS X seja complicado, pelo contrário, mas alguns pacotes são mais simples de instalar através do Ports, como exemplo o subversion.

Para instalar você deverá baixar o .pkg aqui, onde você encontrará versões para os OS X MavericksMountain Lion e Lion:

Existe uma dependência do Ports com o Xcode por conta das ferramentas de linha de comando então caso não tenha o instalado acesse a App Store e baixe, é gratuito.

Falarei mais sobre eles em outros posts 😉