Arquivo

Review

Postagens em Review.

Adaptador OTG / Micro USB #CompranaDX

Pouco mais de um ano atrás fiz um review de um adaptador OTG que havia comprado para o Galaxy Tab 2 e agora providenciei um para o meu queridinho, o Galaxy Note 2014 Edition.

Este adaptador serve para qualquer dispositivo móvel que tenha um conector micro USB e para minha felicidade este que comprei veio funcionando. Pode parecer até exagero, mas como já mostrei aqui, comprei um cabo USB porque achei ‘bonitinho’ e ele nunca funcionou.

Tem ele rosa, vermelho, roxo e verde e o preço varia entre $1,71 e $1,77 (não sei porque estes centavos de diferença).



Comparando os planos de Internet Pré-Pago da VIVO, CLARO, TIM e OI

A intenção deste post é ajudar quem estiver procurando uma linha de dados pré-paga. É que nessas últimas semanas estive fazendo um levantamento buscando qual operadora me atenderia melhor e o mais importante eram as taxas de download/upload, afinal eu estava buscando uma linha para ficar no tablet como um backup, pois já tenho uma linha pós-paga que até o momento não me dá dores de cabeça.

Abaixo relacionei preço, franquia e taxas durante e após o limite da franquia.

Taxa plano VIVO Tudo

Taxa plano Celular 3GMAX

Taxa plano Tablet 3G

Taxa plano INFINITY WEB

Taxa plano TIM BETA

Taxa plano Internet Celular Pré

Os valores que informei acima foram consultados nos sites das operadoras para o estado de Pernambuco (81) na semana passada.



[Review] Samsung Galaxy Note 2014 Edition P601

Em 2012, adquiri meu primeiro tablet, o Samsung Galaxy Tab2 P5100, que na época era o melhor modelo, levando em consideração a configuração e o preço. Ele foi meu queridinho até a chegada do substituto na primeira semana do ano, o Samsung Galaxy Note 2014 Edition P601.

Estava satisfeita com o Tab 2 e não pretendia trocá-lo até o final do ano desse ano, porém por conta de uma promoção que apareceu na Submarino (R$ 1.459,00) e junto com o bônus que a Samsung estava dando para quem comprasse alguns de seus produtos até o final do ano (R$ 229,90) o preço ficou tão encantador (R$ 1229,10), sem contar que a configuração dele é bem interessante.

A versão que comprei foi a P601 que tem conexão WiFi e 3G. Um amigo que comprou antes de mim chegou a pensar em esperar pelo modelo com 4G, mas desistiu. Se ele tivesse comprado sequestrava para fazer review para vocês 😛

A configuração dele é uma das melhores que temos hoje no mercado:

  • CPU Quad-Core 1.9GHz Cortex-A15;
  • Memória interna de 16GB e RAM de 3GB;
  • Resolução de tela 1600 x 2560 numa tela de 10.1″ (299 ppi);
  • WiFi 802.11a/b/g/n/ac;
  • 3G HSPA+;
  • Infravermelho;
  • Bluetooth v4.0;
  • Câmeras 8 MP (traseira) e 2 MP (frontal) + LED;
  • Bateria de 8220 mAh.

Se tiver curiosidade neste link tem um comparativo da configuração dele com o Tab 2 e neste outro link a comparação é com o IPad Air.

O fato do conector ser micro USB me fez dar pulos de alegria, andar com mais de um carregador é um saco, na verdade andar com qualquer carregador é chato, mas já que é necessário, que seja o mínimo possível. É importante lembrar somente de uma coisa, a corrente. O carregador do meu smartphone  é de 1A e do tablet é de 2A, então quando for levar somente um carregador levarei o do tablet.

Um problema que vi e um amigo que tem um também comentou é que quando vai puxar o cabo, escorrega em 99% das vezes, dando a impressão que está ‘arranhando’ o conector. O material do cabo ou pelo menos da parte que pegamos para plugar e desplugar do dispositivo é muito lisa.

O infravermelho é algo que pode gerar polêmica quando você se anima por seu gadget ter, é que muitas pessoas se perguntam a utilidade dele hoje em dia, isso aconteceu comigo. O S4 tem e um amigo falou todo animado pra mim. Questionei qual a utilidade e ele me lembrou dos controles, isso mesmo, controle de TV, ar-condicionado… Pior que agora queria que o S3 tivesse 😛

A saída de aúdio fica nas laterais, o que é ótimo para ganhar espaço (no Tab 2 ficava na frente). A qualidade é boa, o som é limpo e tem um bom volume.

Estes dois slots são para o micro SIMCard e para o micro SDCard que pode ser de até 64GB.

A câmera dele é bem simpática para um tablet, onde a utilidade dela, pelo menos para mim, é quase zero. Tirei 4 fotos em condições ruins (quarto à noite), afinal tirar foto de dia e com sol bonito a foto fica legal em quase toda câmera:

Sem Flash

   

Com Flash

   

A aplicativo da câmera permite alguns efeitos e se você usa Instagram, vai curtir 😛

A caneta, pois é, nunca me animei em usar canetas até o dia que joguei Draw Something, lembram dele? Desde aquele dia que gostaria de ter uma caneta decente para desenhar, fosse no smartphone ou no tablet e me contentei com uma da DX, mas usar a S Pen é outra coisa, existe precisão no traço, então se você desenrola com as canetas ‘normais’ com ela você vai ‘pintar miséria’. Vale o investimento, caso goste de desenhar ou escrever com caneta nestes dispositivos.

Marquei o tempo que ele leva para carregar desligado e aproveitei para fazer um comparativo com o tempo do Tab 2, lembrando que o carregador de ambos é de 2mAh e a bateria do Tab 2 é de 7000 mAh enquanto a do Note é de 8220 mAh. Descarreguei os dois e resultou nisso:

Inicio da carga: 08:30h
Tab 2 100%: 13:45h
Note 100%: 14:04h

A bateria dele é boa levando em consideração o hardware. Usei normalmente como usava o outro, lendo emails, escrevendo posts, acessando as redes sociais, assistindo episódio de série no Netflix e jogando Candy Crush :P.

Estou com ele desde o dia 06 de janeiro e nestas duas semanas de uso, posso dizer que foi uma das melhores aquisições que já fiz.

Para finalizar segue um vídeo com o review feito pela equipe do SamMobile:



Press – Um leitor RSS simples mas com as funções necessárias

divulgação: twentyfivesquares

Desde que o Google fez <ironia>o favor de matar</ironia> o Reader que venho tentando me adaptar ao Feedly e apesar de simpático ele quebra minhas duas pernas por não salvar os artigos para leitura offline. Por conta disso resolvi testar o Press que vem sendo muito bem falado, além de uma boa classificação na Play Store.

A interface de um aplicativo conta muito na hora de escolher, mas praticidade e fazer o que preciso que ele faça, pelo menos pra mim, é muito mais importante e é nisso que o Press me ganhou. A cor de fundo dele me lembra papel velho, mas não faz a leitura ficar ruim, é algo de gosto mesmo, prefiro ler com o fundo preto, assim como tem pessoas que preferem o fundo branco.

Outra coisa que observei nele foi o consumo de memória, coisa besta para quem tem um aparelho com 1 ou 2GB de RAM, mas muitos aparelhos tem menos que isso. Comparei com o Feedly enquanto lia am ambos um artigo.

Algumas das funções disponíveis são:

  • Sincroniza com os serviços: Feedly, Feed Wrangler, Feedbin e Fever;
  • Sincroniza em background (com notificações);
  • Suporte a leitura offline;
  • Cache de imagens offline;
  • Compartilha artigos para leitura posterior no Pocket ou Instapaper;
  • Suporte a widgets (para tela de bloqueio somente para Android 4.2+);
  • Temas Light e Dark;
  • Altera o estilo e tamanho da fonte para leitura;
  • Alinha o texto do artigo;
  • Suporte a API do Youtube;
  • Abre artigos no aplicativo ou no navegador padrão;
  • Não tem propagandas.

    
    

Ele foi desenvolvido pela TwentyFiveSquares e está disponível somente para Android custando $2.99.

Qual vocês usam? Conta aí.



Pocket Casts – Um cliente de podcast muito agradável

divulgação: shiftyjelly

Apesar de achar a idéia bem interessante não sou de ouvir muitos podcasts (prefiro ler meus feeds), na verdade só escuto um, o NerdCast. Até comecei a ouvir outros, mas como faço isso somente quando estou no trânsito, o NerdCast acabou sendo a melhor ‘opção’.

Não sabia qual programa usar, por isso pedi uma dica a um amigo que escuta muitos podcasts. Ele me indicou o Pocket Casts que na época tinha uma interface bem mais simples que a de hoje e com menos funções.

Algumas das funções disponíveis no aplicativo são:

  • Sincronização e backup dos podcasts assinados, além de suas playlists e status de cada assinatura, assim você pode alternar entre dispositivos mantendo o histórico e sabendo em que ponto parou em determinado podcast;
  • Interface simples, bonita e compatível com smartphones e tablets;
  • Permite assinatura de podcasts de áudio e/ou vídeo;
  • Limpa automaticamente arquivos com um tempo determinado ou que já foi ouvido/visto;
  • Download automático de áudio ou vídeo novo nos podcasts assinados;
  • Permite escolher onde serão salvos os download (memória interna do dispositivo ou no SD Card);
  • É possível importar ou exportar arquivos OPML.

Tirei algumas telas para que vocês pudessem ver a cara do aplicativo.

   

Não usei outro cliente, mas levando em consideração que indicação veio de uma pessoa que testou vários, então o Pocket Casts é uma ótima opção.

Ele foi desenvolvido pela Shifty Jelly e está disponível para sistemas Android e iOS no valor de $4.99.



Videoder – Baixando videos do Youtube no Android

Dias desses estava procurando um aplicativo que permitisse baixar os vídeos do YouTube e dentre o que encontrei o Videoder foi o que me chamou a atenção. Ele é um aplicativo muito simples e cumpre com a sua função permitindo inclusive o download do vídeo em mais de uma resolução.

        

        

Agora é esperar que o aplicativo não seja banido (rápido) da Play Store, rsrs.

Para baixar acesse o link.